CINEMA

   A cidade esfriou esses dias né? E o friozinho despertou em mim aquela vontade de aconchego e filminho romântico pra aquecer o coração. E em vocês? Sim, eu sei que Vitoria não deixa barato e já está disponibilizando um sol pra cada cidadão novamente. Apesar disso, o fim de semana esta ai, e o isolamento pede esse aconchego do mesmo jeito. Então eu, romântica piegas que sou, fiz aqui uma lista com sete filmes de comédia romântica pra vocês ficarem bem inspirados no amor. Procurei das mais engraçadas as mais autênticas, pra deixar vocês bem grudadinhos nesse blog durante o fim de semana.

Mas antes de mostrar pra vocês minhas sugestões, vou explicar algumas formas que tentarei organizar as nossas listas daqui pra frente. E desde já digo, qualquer ideia comentem, que estou pronta pra tentar adicionar por aqui.

Então, vamos lá! Pra começar sempre terei na lista títulos que nos trazem a sensação de nostalgia. Os clássicos e aqueles que nos prenderam na sessão da tarde durante a infância na sala de nossas mainhas e avós. Pra remexer nas nossas memórias mais gostosas que cercam esses filmes e séries.

Além disso, tentarei expor títulos que tragam narrativas diferentes do que conhecemos do gênero. Pra que a monotonia não nos abata e o diferente nos faça crescer.

Buscarei também deixar aqui sugestões de filmes e séries nacionais e regionais. Além de destaques estrangeiros. Para que nós tenhamos mais opções, que dialoguem com nosso dia-a-dia e nos apresentem novas possibilidades de ver o mundo. Selecionarei os títulos com o olhar de quem tenta construir um caminho, que possamos sentir mais inquietações e que desperte mais criatividade pra nossas vidas.

Dito isso, vamos começar nossa listinha de amor e sorrisos.

No que se refere às comedias românticas nostálgicas, as sugestões de hoje serão duas. A primeira será De repente 30 (2004). Nesse filme, a gente vai se apaixonar por Jenna, protagonista interpretada excelentemente por Jennifer Garner. Sua graça, que abriga inocência e ingenuidade, fez muitos de nós acompanha- lá, emocionados. Na aventura que é, a busca de si mesma e de entender as fronteiras e encontros do amor e da amizade.  

(Trailer)

O segundo é Como se fosse a primeira vez (2004). Que sei que poucos desconhecem, mas nunca será demais ver Adam Sandler e Drew Barrymore, nessa história que nos apresenta com muito bom humor, a necessidade de cuidar das nossas relações diariamente. Para que cresçam e se tornem o amor que precisamos.

(Trailer)


Com um cenário mais moderno e muitos núcleos de trama, temos Ele não está tão afim de você (2009), mostra em seus diálogos, como o amor pode ser complexo e diferente pra cada pessoa. E que é importante nos perceber, vivendo e respeitando o nosso amor e o dos outros.

(Trailer)


Agora, pra gente se divertir com outras formas de abordagem de romance eu sugiro Feitiço do tempo (1993).

 Elementos fantásticos vão deixar mais intrigante a saga de Phill. Fazendo-nos refletir com ele, sobre como podemos fazer de cada dia, uma oportunidade para entender e melhorar com os outros. Sentindo que amor também é se doar para as muitas possibilidades que um dia guarda. 

(Trailer)


 Quando penso em filmes com o elenco central mais divertido, esse filme barra todos que já vi. Sobre ontem à noite (2014), trás com muito bom humor a mensagem de que é preciso ter paciência com as fases da vida de cada um na relação, para que o amor permaneça.

(Trailer)


A incrível Jessica James (2017) é uma comédia romântica pra gente repensar o amor mais importante de todos: O AMOR PRÓPRIO. Garanto que Jéssica (Jessica Williams) vai dar um up na nossa relação que temos com nós mesmos e com o amor.

(Trailer)


Pra fechar bonito essa lista, quero fazer um pedido. Todos que já viram e os que não viram Lisbela e o Prisioneiro (2003), vão ver. Vamos todos nos reencantar com a beleza de direção de Guel Arraes, retratando o amor de Lisbela pelo romance e pelo cinema.  E as aventuras de Leléu, nas suas paixões. Que sempre nos apresentam problemas divertidíssimos.

Lisbela e o prisioneiro é uma obra nacional, divertida, colorida e muito bem musicada. Com o sotaque nordestino e sua trilha sonora apaixonante.

Apreciem!

(Trailer)



Espero vocês nos comentários com dicas, críticas e sugestões... beiju!

Os filmes acima você encontra online com exceção de "A incrível Jessica James" que tem disponível na Netflix.

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Tanajura (as Formigas Agricultoras)

IPOMOEA CAIRICA, MAIS CONHECIDA COMO FLOR DE JITIRANA !

A GRALHA - CANCÃ